Investir na empresa durante a crise: o que empresários de sucesso fazem?

Redação Redesul :)

Redação Redesul :)

O melhor da Redesul com estratégias para prosperar e aumentar seus investimentos.

investir na empresa durante a crise

A disseminação do novo Coronavírus vem desde dezembro de 2019 trazendo uma avalanche de preocupações a toda população mundial. Apreensivos com a pandemia, muitos empresários congelaram todas as ações para promover o desenvolvimento de seus negócios. Mas será que parar de investir na empresa durante essa crise é a alternativa mais inteligente?

Proprietários, gestores e administradores precisam ser pragmáticos e procurar agir com raciocínio lógico, evitando assim que o pânico fale mais alto. Por isso, este conteúdo tem o objetivo de dar luz à consciência e mostrar como empreendimentos de sucesso sobrevivem nessas horas. Se você quer saber qual é a melhor atitude para garantir que sua empresa não fique estagnada, correndo o risco de fechar as portas num futuro próximo, fique atento às informações a seguir.

Investir na empresa ou esperar, o que é melhor?

É comum que em momentos delicados da economia haja incertezas quanto ao futuro dos negócios. Mas é muito importante ter consciência que o pânico nunca é um bom conselheiro. A crise desencadeada pelo novo Coronavírus convida os empresários a parar de pensar com imediatismo, tirando o foco do presente e olhando para o futuro.

Com isso, queremos dizer que educação financeira será essencial para que você consiga olhar para o seu negócio como “olhos de lince”, gerir a empresa com sagacidade e investir com inteligência. Este pode ser o momento em que os tubarões maiores devoram os menores, por isso, aja com discernimento e não perca o foco no crescimento do seu negócio.

Tenha em mente que nenhuma crise dura para sempre e se a sua empresa passar por ela com foco e planejamento, irá se destacar e crescer quando a situação se normalizar, o que cedo ou tarde vai acontecer.

Mas como saber a melhor maneira de investir neste momento? É o que responderemos nos próximos capítulos.

O que fazem investidores de sucesso?

Para entender como investidores de sucesso usam as crises e o tempo a favor de seus empreendimentos, vamos lembrar do mais bem-sucedido investidor do século XX, Warren Buffett. Para ele, investir em Ações pensando no longo prazo é a maneira mais segura e eficiente de garantir ganhos. Segundo Buffet, “o tempo é amigo dos negócios excelentes e inimigo dos negócios medíocres.” . Em suma, os melhores investimentos costumam ser os de longo prazo. Portanto, este é um momento crucial para definir estratégias de crescimento eficientes. Não deixe passar!

Você não precisa contar com a sorte, nem ser expert em mercado financeiro para lucrar “da noite para o dia”, basta ter paciência porque o mercado irá se recuperar, como sempre se recupera. É por isso que este pode ser o melhor momento para se destacar da multidão: quando poucos estão investindo, sua empresa pode dar um grande salto.

Para você entender melhor, vamos citar como exemplo o mercado de Ações. Quando o preço dos ativos estava alto, a probabilidade de você ter sucesso na compra de um desses ativos era muito menor. Porém, agora, com Ações de empresas rodando com redução de até 40% do valor do seu patrimônio, esse pode ser um ótimo momento para investir nessas Ações.

Pense que agora, no olho do furacão, e difícil visualizar perspectivas de crescimento, mas é certo que depois desta crise os preços voltarão a subir, e quem não aproveitar agora para pegar carona nos preços mais atrativos, certamente vai se arrepender quando a situação se normalizar.

Mas lembre-se: Ações sempre envolvem riscos, lide com probabilidades, nunca com achismos. Se você não tem experiência, consulte um profissional antes de investir na Bolsa de Valores.

Se você tem lucidez necessária para saber que este não é um bom momento para estagnar os investimentos, mas não entende de mercado financeiro, não se preocupe! Existem soluções para você.

Como investir na empresa durante a crise sem riscos?

Agora que você entendeu que manter o foco no crescimento da empresa é o que empreendedores de sucesso fazem durante as crises, garantindo que o negócio não feche no futuro, deve estar se perguntando de que maneira é possível investir sem medo e com total segurança, usando o tempo a seu favor.

Considerando que no Brasil o Governo Federal liberou linhas de crédito mais baratas para capital de giro e que, ainda assim, muitos pequenos e médios empreendimentos não conseguirão acessar essas linhas por diversos motivos, alternativas mais acessíveis são bem-vindas.

Existe uma maneira de garantir o futuro do seu negócio de maneira 100% segura, sem qualquer possibilidade de perder dinheiro – como pode acontecer com investimentos na Bolsa de Valores – e sem precisar arriscar seu capital. Neste momento, existem 1,176 milhão de empresas brasileiras investindo desta forma. Estamos falando das Cartas de Crédito.

São várias maneiras de investir em uma dessas Cartas, com foco em curto, médio e longo prazos. Vamos explicar cada uma delas.

1. Longo prazo

Investir em uma Carta de Crédito pensando no longo prazo – que é o que especialistas do mundo todo estão recomendando neste momento – nada mais é do usar o sistema de consórcios a favor da sua empresa. Como fazer isso? Primeiro, você precisa definir qual é a prioridade de investimento no seu negócio: é investir em máquinas? Veículos? Imóveis? Ou o que sua empresa necessita é de capital de giro?

Uma vez definido o foco do seu investimento, você deve entrar em grupos de consórcios que estejam de acordo com o bem que o seu negócio necessita. Se a ideia é renovar a frota de veículos, sua empresa deve entrar em um ou vários grupos de consórcio de veículos. Se a intenção é construir, reformar, ampliar a empresa, ou mesmo adquirir sede própria, então o grupo que sua empresa deve entrar é o de consórcio de imóveis.

Para capital de giro, existe uma estratégia específica. Você pode entender os detalhes dessa estratégia no nosso eBook gratuito, basta preencher o formulário abaixo para acessar:

 

new RDStationForms(‘ebook-como-conseguir-capital-de-giro-com-consorcio-6d3f59e0d989d7ac2fb4-html’, ‘UA-113901927-1’).createForm();

Como funcionam os grupos 

Você pode estar pensando que não é um bom momento para despender muitos recursos em aplicações financeiras. E é por isso que investir em Cartas de Crédito é muito vantajoso nessas horas, pois, ao entrar nesses grupos que funcionam como uma espécie de economia colaborativa, você não precisa pagar nenhum valor de entrada e pode investir em pequenas parcelas mensais, sem pagar absolutamente nada de juros. Esses grupos nada mais são do que empresas reunidas com o mesmo objetivo que o seu: o de levantar crédito barato e programado, sem incidência de juros.

Cada grupo tem prazos diferentes de acordo com o bem pretendido; se é de imóveis, geralmente duram 180 meses. Todos investem em parcelas mensais formando um caixa e todos os meses a administradora de consórcio sorteia um ou mais participantes, que vão receber o crédito integral para investir nos seus negócios à vista.

Mas se você acha que 180 meses é tempo demais e contar com a sorte para receber o crédito antes não é o seu perfil, nós explicaremos a seguir duas maneiras mais rápidas de investir na sua empresa durante essa crise.

2. Médio prazo

Seguindo a mesma estratégia que citamos no capítulo “Longo prazo”, para levantar o crédito com mais agilidade você pode entrar em um grupo de consórcio e ofertar lances para adiantar a sua contemplação. Como? Ofertar um lance é antecipar algumas parcelas do seu consórcio para o grupo, se for a maior oferta do mês, sua empresa leva o crédito imediatamente.

Você pode ofertar esses lances com recursos próprios ou usar um percentual da sua Carta de Crédito para fazer essa oferta e receber o crédito com agilidade.

Nós explicamos em detalhes o funcionamento dos lances neste vídeo:

Mas atenção: estratégias de contemplação via lances devem ser feitas por profissionais experientes, que vão ter acesso aos milhares de grupos e verificar o histórico de lances de cada um para saber em qual deles o seu lance será o vencedor. Assim, é possível fazer uma previsão muito acertada de contemplação rápida.

3. Curto prazo

Finalmente, existe uma terceira estratégia para investir na sua empresa que pode ser uma excelente saída em momentos de crise. Isso porque é uma maneira barata e sem juros de injetar dinheiro no seu negócio, e com a vantagem de poder acessar o crédito com rapidez. Essa estratégia é a compra de uma Carta de Crédito Contemplada. Para isso, sua empresa precisa contar com um aporte inicial para investir nesse crédito.

Explicamos: comprar uma Carta Contemplada nada mais é do que adquirir um consórcio que já passou pelo processo de contemplação. O que você deve fazer é escolher o valor do crédito que sua empresa necessita, com o bem referenciado do qual pretende investir, e adquirir uma cota de algum consorciado que colocou esse crédito à venda. Você, então, deve quitar as prestações que foram pagas por esse consórcio até o momento da sua contemplação, mais um ágio ao dono original dessa cota, assumindo as parcelas restantes.

Fazendo isso, você levanta crédito rápido e muito mais barato do que qualquer uma dessas operações convencionais que cobram juros, como empréstimos e financiamentos.

É uma operação totalmente legal que vem crescendo muito entre empresas brasileiras. Explicamos melhor essa transação neste vídeo:

Agora que você entendeu a importância de continuar planejando o crescimento do seu negócio e conheceu maneiras seguras de fazer isso, já sabe qual é a melhor maneira de investir na sua empresa durante a crise.

Se você acredita que as Cartas de Crédito contemplam o perfil do seu negócio, o que acha de tirar todas as suas dúvidas, sem compromisso, com um especialista no assunto? Clique aqui.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem leu este post leu também :)

O lado oculto do seguro de vida

Mindset financeiro – Descubra o seu

A poupança vale apena? ou está queimando o seu dinheiro!

5 pontos (não intuitivos) para economizar comprando com consórcio!

Onde investir o seu dinheiro em 2021-2022?

Consumidores chegam pagar 30% mais em carros de luxo quando não prestam atenção nisso

Materiais Educativos

Como conseguir capital de giro com consórcio

Crédito para investir no que quiser na sua empresa, pagando no mínimo duas vezes mais barato que empréstimo e no prazo certo.

Trabalhe com a Redesul

Anexar Currículo no formato: .doc .pdf .docx (max 5mb )